A ‘caçada’ a ovos de pterossauro em cidade do interior do Paraná

Pequeno município de Cruzeiro do Oeste entrou para a história da paleontologia em 2014, com descoberta de restos de 47 pterossauros; especialista aposta em chances de encontrar raridade que pode ajudar a entender elo entre vertebrados terrestres e voadores. Os pterossauros – répteis voadores, parentes dos dinossauros – viveram há 80 milhões de anos
MAURILIO OLIVEIRA / MUSEU NACIONAL
O pequeno município de Cruzeiro do Oeste, de 21 mil habitantes, localizado no noroeste do Paraná, a 563 km de Curitiba, faz parte da história da paleontologia mundial desde agosto de 2014, quando foi anunciada a descoberta de restos fósseis de 47 pterossauros Leia tudo…

Fechar Menu

Fique por dentro!

Receba nossas novidades direto no seu email!
QUERO RECEBER!
Fechar
Fique por dentro!