Chuvas no Sul da Ásia atingem 200 mil refugiados que vivem em campos improvisados

Um refugiado rohingya caminha ao lado de uma lagoa em campo de refugiados de Balukhali, perto de Cox’s Bazar, em Bangladesh
Tyrone Siu/Reuters
Um estudo publicado pelo Banco Mundial na quinta-feira (28) mostra que o Sul da Ásia é e será altamente vulnerável às mudanças climáticas. Por causa disso, as condições de vida de 800 milhões de pessoas serão reduzidas drasticamente, segundo reportagem publicada no “The New York Times”. Note-se que a região já abriga algumas das pessoas mais pobres do mundo, entre elas o povo Rohingya, descrito pelas Nações Unidas, em 2013, como a minoria mais perseguida de todo Leia tudo…

Fechar Menu

Fique por dentro!

Receba nossas novidades direto no seu email!
QUERO RECEBER!
Fechar
Fique por dentro!