O projeto que levou um exército de ‘caçadores de tempestades’ à Argentina

Mais de 150 cientistas de um grande projeto internacional estão na Argentina para caçar tempestades. O que de especial chama a atenção dos especialistas? A BBC News Mundo conversou com alguns deles para descobrir. Um dos veículos utilizados pelos pesquisadores do projeto Relâmpago para estudar as tempestades na Argentina
Divulgação
Cerca de 160 pessoas, incluindo meteorologistas, estudantes, engenheiros e técnicos, estão na Argentina em busca de tempestades.
E eis que, segundo os cientistas, as tempestades que ocorrem no centro-norte do país “são realmente as melhores das melhores”.
“Acreditamos que as tempestades na Argentina produzem mais granizo e mais raios do que em qualquer outro Leia tudo…

Fechar Menu

Fique por dentro!

Receba nossas novidades direto no seu email!
QUERO RECEBER!
Fechar
Fique por dentro!