Por falhas nos estudos socioambientais, Justiça paralisa concessão de Ferrogrão

Justiça paralisa processo de concessão da Ferrogrão. Foto: Tjflex2/Flickr.
A Justiça Federal em Belém paralisou a concessão da ferrovia Ferrogrão por inconsistências nos Estudos de Impacto Socioambiental, como uso de imagens do Google para indicar o traçado da ferrovia que cortará dois estados, ausência de informações sobre terra quilombola e terra indígena afetadas. O Ferrogrão ligará Sinop, no Mato Grosso, ao porto fluvial de Miritituba, em Itaituba, Pará.
De acordo com o juiz da 9ª Vara da Justiça Federal em Belém, Arthur Pinheiro Chaves, é temerária a continuidade do processo de concessão, pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), “diante da possibilidade Leia tudo…

Fechar Menu

Fique por dentro!

Receba nossas novidades direto no seu email!
QUERO RECEBER!
Fechar
Fique por dentro!