Presidente francês não cortará imposto sobre combustíveis fósseis

Em discurso sobre a transição da França para energia renovável, na terça-feira (27), Macron reconheceu não ter ouvido os manifestantes, mas que manterá os impostos sobre combustíveis que passará a ter vigor a partir de 1º de janeiro. Foto: Amaury Laporte/Flickr.
Os protestos, que tomaram conta da França por causa da criação de mais um imposto sobre combustíveis fósseis, lançam luz sobre a dificuldade de governos em promover uma transição da economia tradicional para uma de baixo carbono. O combate às mudanças climáticas e a necessidade de desenvolver energia limpa se chocam com os interesses mais imediatos da população, que se Leia tudo…

Fechar Menu

Fique por dentro!

Receba nossas novidades direto no seu email!
QUERO RECEBER!
Fechar
Fique por dentro!